domingo, 23 de dezembro de 2018

HAJA SEMPRE ESPERANÇA

A esperança deve ser alimentada

Com ESPERANÇA de ser reflectido por mais pessoas, publico aqui um comentário que me saiu com entusiasmo matutino e que, depois de pronto, me parece com interesse apara se pensar a sério no futuro.

Caro José Caniné, começo por te desejar Boas Festas e um Ano Novo com aquilo que mais desejares, embora continues com o teu vício de não teres esperança. Mas a esperança deve ser a última coisa a morrer e depende da nossa acção. Num livro que li, há alguns anos, em que um jornalista ficcionava uma conversa com Deus, Este respondeu-lhe que não há milagres, porque isso seria Ele negar a sua obra criadora se alterasse a naturalidade dos acontecimentos. Cada um terá o resultado do seu comportamento.

Por isso cada cidadão deve fazer o máximo para que a sociedade, a humanidade, melhore e recupere da degradação em que a deixámos cair. Ninguém tem o direito que ficar sentado a lamentar-se, à espera de que lhe tragam de presente tempos melhores.

Por isso, não gosto de te ver sempre a falar de desgraças, sem deixares pistas de melhores dias. Dizes que sou um sonhador, demasiado idealista, mas o mundo cresceu com as filosofias de idealistas.

Repara que, para terminar com a balbúrdia do politeísmo grego e latino, em que, à falta de conhecimento científico, havia um Deus para explicar cada fenómeno da Natureza, criaram religiões monoteístas e os cristãos puseram o enviado de Deus a nascer numa data já muito festiva que juntava milhares de pessoas, no solstício do Inverno, e «previram» a sua morte noutra data que também juntava milhares de pessoas, depois da primeira lua cheia após o equinócio da primavera, mesmo sem permitir saber-se que idade tinha quando morreu, a qual depende de ano para ano! Mas a fé não nos deixa magicar nessas ficções.

Isto para te dizer que o ser humano não deve deixar-se enredar em pessimismos, deve ter esperança e lutar para criar o amanhã radioso.

Um abração e ESPERANÇA em dias melhores.

1 comentário:

Mariazita disse...

QUERIDA AMIGA
Hoje venho trazer os meus votos de Boas Festas. Para o efeito faço-me acompanhar das palavras do grande escritor Charles Dickens, que expressam o meu verdadeiro sentir:
“Celebrar o Natal é crer na força do amor, é isto que transforma o homem e o mundo.
Honrarei o Natal em meu coração e tentarei conservá-lo todo o ano.
Eu sempre pensei em Natal como um tempo bom. Um bem, perdão, generosidade, época agradável. Uma época em que os homens e mulheres parecem abrir os corações deles espontaneamente, e assim eu digo, Deus abençoe o Natal!”

QUE DEUS ABENÇOE O SEU NATAL É O QUE, DO FUNDO DO CORAÇÃO, DESEJO A SI E A TODOS OS SEUS ENTES QUERIDOS.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS